"

Qual a relação entre o zumbido no ouvido e a sinusite?

 

O zumbido é considerado um problema comum e, em quase 90% dos casos, é causado pela perda de audição.

A princípio, a sinusite não é uma causa direta do zumbido, mas alguns pacientes questionam se a doença e o incômodo no ouvido estão relacionados de alguma forma.

Afinal, essa relação existe? Confira neste post.

O que é zumbido?

Primeiro, é preciso entender o que de fato é um zumbido. O zumbido costuma ser identificado como um certo incômodo no ouvido que se assemelha ao barulho de uma abelha, panela de pressão ou de um chiado contínuo.

Na maioria dos casos, pacientes que chegam com queixa de zumbido no ouvido têm alguma perda de audição associada, que é diagnosticada após a avaliação de um especialista.

O zumbido ainda pode ser causado por outros problemas auditivos, como excesso de cera, infecções e lesões no ouvido, ou ainda a exposição a sons altos, como os de festas, shows ou até de fones de ouvido.

Entre outras causas frequentes estão as mudanças no metabolismo ou questões cardiovasculares, além de problemas dentários, abuso de cafeína, doces e alimentos gordurosos.

Você pode conferir mais sobre as possíveis causas do zumbido e como tratá-lo neste artigo.

E a sinusite, causa zumbido?

A sinusite é uma inflamação que acontece ao redor das vias nasais, conhecidas como seios paranasais. Normalmente essas vias são repletas de ar e, quando estão tomadas por secreção, tornam-se um ambiente favorável para a proliferação de vírus e bactérias, o que pode resultar em inflamações como a sinusite.

Entre as principais consequências dessa inflamação, há um mal funcionamento da tuba auditiva, canal responsável pela comunicação entre o nariz e o ouvido.

E essa é uma das características que fazem com que a sinusite também possa ocasionar o zumbido.

A relação está no fato de que a secreção da sinusite pode migrar das vias nasais e infeccionar o ouvido, causando a chamada otite, o que pode gerar um zumbido. A sensação de ouvido cheio, devido à disfunção da tuba auditiva, também pode provocar esse tipo de incômodo no ouvido.

Além disso, um zumbido já existente pode ser percebido com mais clareza em situações de crises da sinusite.

A explicação para essa relação entre zumbido e sinusite é que a tuba auditiva é responsável por manter o equilíbrio da pressão do ar na orelha com a pressão do ambiente externo. Com a obstrução do canal ocasionada pela sinusite, a pressão no ouvido médio é menor, o que pode gerar ou tornar mais perceptível alguma alteração auditiva, como o zumbido, por exemplo.

Outras complicações na audição são mais comuns em decorrência da sinusite, como as dores de ouvido, devido justamente à ligação dos sistemas respiratório e auditivo.

De qualquer forma, para aqueles que estão com o incômodo do zumbido durante uma crise de sinusite, ou qualquer outro problema de audição, o ideal é tratar as duas condições simultaneamente.

Separamos um vídeo para você entender mais sobre o tratamento do zumbido. Assista aqui.

Como se cuidar?

Na maioria dos casos, a sinusite é um problema crônico e, por isso, recomenda-se buscar o auxílio de um médico otorrinolaringologista. Assim, complicações relacionadas à audição podem ser minimizadas.

Outra dica que pode ajudar a prevenção dos quadros de sinusite nesse caso é uma boa higiene das vias respiratórias e dos ouvidos para reduzir, ao máximo, as chances de infecções.

É importante reforçar que tudo deve ser discutido com o otorrinolaringologista. Como as causas do zumbido podem ser diversas, somente o profissional pode investigar a fundo cada caso e descobrir o que pode ter ocasionado o problema em cada paciente.

Se você tem zumbido, consulte um otorrinolaringologista. Caso seja indicado o uso de aparelho auditivo, conte conosco. Zumbido tem tratamento!

 

Share

Leave A Comment